Prefeitura e Sindicato realizam a primeira reunião da campanha salarial

 

Representantes da Prefeitura de Campinas e do Sindicato estiveram reunidos nesta quinta-feira, 7 de junho, para a primeira rodada de negociações da campanha salarial de 2018.

 

 

O governo apresentou como proposta um reajuste nos salários de 2,79%, parcelados em duas vezes (dezembro de 2018 e dezembro de 2019). O mesmo índice será aplicado integralmente no auxílio alimentação dos ativos e no vale nutricional dos inativos, neste caso, retroativo ao mês de maio. O índice proposto é o do ICV do DIEESE do período de maio de 2017 a abril de 2018.

 

 

O secretário de Relações Institucionais, Wanderley de Almeida, explicou que embora tenha havido melhora na arrecadação, os impactos da crise ainda estão sendo sentidos pelo município. “O prefeito tomou medidas duras e necessárias na busca pelo equilíbrio das contas públicas, mas a melhora na arrecadação não resolveu todos os problemas que se acumularam ao longo de 2017. Neste momento, esta é a proposta possível dentro da nossa realidade financeira”, explicou.

 

 

Wandão também lembrou que em outros anos a campanha salarial avançou, trazendo benefícios significativos para a categoria, como por exemplo a implantação do vale nutricional, uma antiga reivindicação dos inativos.

 

 

A proposta agora será submetida à assembleia.