ONG Hospitalhaços comemora 19 anos levando sorrisos aos hospitais

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette,  e a primeira-dama do município, Sandra Ciocci, participaram na noite desta terça-feira, dia 24 de abril,  da comemoração dos 19 anos da fundação Hospitalhaços – organização não governamental (ONG) que utiliza a figura do palhaço para levar sorrisos ao ambiente hospitalar. “Os Hospitalhaços fizeram do riso uma terapia para as pessoas enfermas. Esse aniversário mostra que é um trabalho que se estende e perpetua graças ao empenho dos seus integrantes. É uma verdadeira transfusão de amor, que alivia as dores e angústias daqueles que buscam conforto. Sinto-me honrado em ver a Sandra participar como voluntária desse grupo, que leva a alegria a sério e faz do sorriso sua marca registrada”, enfatizou o prefeito Jonas Donizette. 

 

Para a primeira-dama o envolvimento com o trabalho voluntário é gratificante. 

“Fazer parte desse trabalho é motivo de felicidade para mim. Desde o início, percebi que quando ajudamos os outros, recebemos mais do que entregamos. Hoje eles completam 19 anos, mas o presente é de todos que conhecem esse trabalho tão bonito”, comentou Sandra. 

 

Na ocasião, também foi lançado o livro “O Amor em Primeiro Lugar”, que homenageia o voluntário Carlão, o palhaço Picolé. A renda será revertida para a ONG.

 

Sobre a ONG Hospitalhaços

 

Fundada em 1999, a ONG Hospitalhaços utiliza a figura do palhaço para levar sorrisos exclusivamente ao ambiente hospitalar. O desafio diário é criar uma atmosfera mais leve, alegre e descontraída para pacientes, familiares e profissionais da saúde. 

 

Para realizar este trabalho, a ONG conta com a participação de 600 voluntários ativos que são divididos em 34 equipes de palhaços humanitários, além dos que atuam nas brinquedotecas, bazar, brechó e parte administrativa da associação.

 

Atualmente, a instituição atende em 27 hospitais localizados em 17 municípios: Campinas, Valinhos, Indaiatuba, Hortolândia, Sumaré, Americana, Paulínia, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, São Paulo, Salto, Tatuí, Cerquilho, Laranjal Paulista, Tietê e Recife, onde mantêm apenas uma brinquedoteca. 

 

No ano passado, iniciaram a atuação no Rio de Janeiro em dois hospitais federais. Todo esse empenho faz com que a ONG atinja a marca de 32 mil atendimentos mensais, entre pacientes, acompanhantes e corpo clínico. 

 

Além disso, administram seis brinquedotecas, tem três grupos artísticos e realizam oficinas e treinamentos constantes para os voluntários.

Em 2018, a ONG tem o patrocínio da: Unimed Campinas, Hospital Vera Cruz, Supermercados Pague Menos, John Deere, Ci&t, Motorola, Westrock, Cirúrgica Fernandes, Ruff, Mentos, Alibra, Staufen Taktica.