Museu do Esporte é a mais nova atração do Parque Portugal

 

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, inaugurou nesta terça-feira, 20 de dezembro, o Museu do Esporte, instalado no balneário do Parque Portugal, na Lagoa do Taquaral. Ele descerrou a placa em homenagem a José Roberto Xidieh Piantoni, dando o nome do atleta ao museu.

 

 

O ato contou com a presença do secretário de Esportes e Lazer, Dário Saadi, da esposa e filhos de Piantoni, de dirigentes de clubes e de atletas de diferentes gerações e modalidades, que consagraram seus nomes na história do esporte de Campinas, no Brasil e no exterior.

 

 

“Estamos inaugurando um museu para valorizar e reconhecer a memória do esporte de Campinas. É uma homenagem à nossa gente, dos nossos atletas que, mesmo em situações difíceis, marcaram o nome na história de Campinas”, disse o prefeito Jonas Donizette.

 

 

O prefeito convidou a população a visitar o museu que estará aberto à visitação pública a partir de 2 de janeiro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. A entrada é gratuita. “Venham com a família recordar a história do esporte da cidade. É um presente que Campinas ganha com esse museu que resgata a trajetória de atletas e equipes da nossa cidade nas mais diversas modalidades”, ressaltou o prefeito.

 

 

O espaço estará aberto para exposições temáticas e periódicas relacionadas ao universo dos esportes e esportistas de Campinas. Na inauguração foram expostas cerca de 240 peças do acervo da Secretaria de Esportes e Lazer, além de objetos importantes de acervos de clubes da cidade. Mais de 500 objetos relacionados a campeonatos e títulos internacionais como troféus, medalhas, flâmulas, bastões de corrida, documentos, reportagens e fotografias compõem o acervo público.

 

 

O secretário de Esportes e Lazer, Dário Saadi, disse que o museu foi possível graças a colaboração de cada um – historiador, atletas, esportistas e clubes que ajudaram a reunir as peças do acervo. Ele anunciou que, em uma segunda fase, o museu terá uma memória com imagens digitais.

 

 

O secretário agradeceu quem ajudou no projeto. “A todos que se envolveram entendendo a importância de termos um espaço para a memória do esporte de Campinas. Esse espaço é para cada esportista, cada atleta de Campinas que fez sucesso na cidade, no Brasil e no mundo”, disse.

 

 
O Museu do Esporte está instalado em uma edificação de aproximadamente 350 metros quadrados no prédio do balneário do Parque Portugal, atrás do ginásio de esportes. Dario Sadi lembrou que na parte superior ao museu está o Centro de Treinamento de Lutas, local inaugurado em abril deste ano pela Secretaria de Esportes e Lazer, para aulas de judô, kung fu, taekowndo, capoeira e outras modalidades de luta.

 

 

Dário Saadi lembrou que o local estava degradado e que tanto o centro como o museu foram reformados para a população. Segundo o secretário, milhares de crianças, adolescentes e jovens praticam gratuitamente as modalidades de luta nas aulas ministradas por professores e grupos que têm parceria com a Secretaria de Esportes e Lazer. A reforma do prédio para o museu não teve custo direto para a Prefeitura, pois foi uma parceria entre as secretarias de Esportes e outras secretarias.

 

 
Fábio Piantoni, filho de José Roberto, agradeceu a homenagem feita ao seu pai. José Roberto Piantoni foi atleta no Clube Campineiro de Regatas e Natação, transitou por clubes de outras cidades, atuou como técnico e, em 2015, foi campeão estadual de vôlei nos Jogos Regionais do Idoso (Jori) pela seleção de Campinas. Faleceu em um acidente em maio deste ano.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *