Mais de 2 mil pessoas participaram das ações do Setembro Amarelo

As atividades do Setembro Amarelo, mês de conscientização e prevenção do suicídio, movimentaram Campinas. As palestras, mesas-redondas, caminhadas e oficinas reuniram mais de 2 mil pessoas. A celebração foi inaugurada com um flash mob no dia 2 de setembro, na Praça Arautos da Paz, no Taquaral e foi encerrada com uma palestra voltada para jovens no dia 28 de setembro no auditório da Guarda Municipal.

 

 

 

 

Foram dezenas de atividades realizadas ao longo do mês, com o objetivo de divulgar a causa e mostrar a importância de discutir e auxiliar a população na prevenção aos suicídios. A campanha Setembro Amarelo começou no Brasil em 2015, promovida pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). As atividades tiveram início em Brasília (DF) e já no ano seguinte, várias regiões aderiram ao movimento.

 

 

 

Em Campinas, os eventos foram realizados pela Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas – SMCC, Movimento #CampinasPelaPaz, Coordenadoria da Juventude e Prefeitura Municipal de Campinas, por meio das Secretarias de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos, Esportes e Lazer e Saúde. As atividades tiveram o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA Campinas), Centro de Valorização da Vida (CVV), Barracão da Dança – Academia, Câmara Municipal de Campinas e Ensino Social Profissionalizante (ESPRO) Filial Campinas.