Comitiva chinesa propõe a Campinas cooperação em ciência e tecnologia

 

 

O vice-prefeito de Campinas, Henrique Magalhães Teixeira, recebeu na tarde desta quarta-feira, 22 de agosto, a visita de uma delegação da província de Fujian, na China. O encontro teve o objetivo de estreitar as relações entre Campinas e a região chinesa e discutir parcerias de cooperação nas áreas de ciência e tecnologia. A reunião contou também com a presença do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo, André von Zuben.

 

 

A capital de Fujian é Fuzhou, cidade-irmã de Campinas há mais de 20 anos. Em visita ao Brasil, a comitiva foi encabeçada pelo diretor-geral do Departamento Provincial de Ciência e Tecnologia de Fujian, Chen Qiuli. “Temos todo o interesse em estreitar esta relação com Fujian e concretizar parcerias”, afirmou o vice-prefeito Henrique Magalhães Teixeira, que reforçou aos visitantes o potencial de Campinas como polo tecnológico. “Já estive na província de Fujian e a capital Fuzhou tem muita semelhança com Campinas nas áreas de ciência e tecnologia. Existe muito potencial para construirmos grandes parcerias”, acrescentou o vice-prefeito.

 

 

O representante de Fujian se mostrou entusiasmado com o ecossistema de ciência e tecnologia do município. “Campinas está entre as dez principais cidades do Brasil. Viemos conhecer a cidade e o próximo passo é dar início a parcerias e promover intercâmbios entre os profissionais do setor. Temos muita semelhança nas áreas de pesquisa, como biomedicina e química, por isso pretendemos firmar muita cooperação com a cidade”, revelou Chen Qiuli

 

 

Um momento de destaque do encontro na Sala Azul da prefeitura foi a assinatura do acordo que oficializou Tony Chen como representante do Departamento Provincial de Ciência e Tecnologia de Fujian no Brasil. Ele será um importante elo entre o governo de Fujian e a prefeitura de Campinas. No final do encontro, o vice-prefeito Henrique Magalhães Teixeira entregou uma escultura do brasão da cidade ao chefe da delegação, que retribuiu o presente com uma caixa de chás chineses.